Não pense que escrevo aqui o meu mais íntimo segredo, pois há segredos que eu não conto nem a mim mesma. E não é só o último segredo que revelo: há muitos segredinhos primários que eu deixo que se mantenham em enigma... (Clarice Lispector)

"São pelos pequenos momentos ...Que a gente quase morre ...Que intensamente vive ...Que longamente espera..."

quinta-feira, 15 de abril de 2010

Designios

Desígnios

"alguém pode me dizer
se estava prevista na palma da minha mão
esta paixão inesperada
se estava já escrita e demarcada
na linha da minha vida
se fazia já parte da estrada
e tinha que ser vivida

ou foi um desgoverno repentino
que surpreendeu os deuses, todos
os que desenham o nosso destino
ou foi um desatino, uma loucura
uma imprevisível subversão
que só a patir de agora eu trago marcada
na palma da minha mão"

Bruna Lombardi

3 comentários:

  1. Oi, Jhacy!

    Nada está previsto! As coisas acontecem, e o amor é das melhores coisas que nos podia acontecer!

    O drama é não termos em nosso poder o outro lado da moeda! Seria muitissimo bom para ambos!

    Belo poema!

    Um beijo e B.F.S.

    Renato

    ResponderExcluir
  2. Às vezes também me pergunto se tudo que vivemos já está escrito ou se somos nós que traçamos as linhas de nossa vida!!

    Lindíssimo poema..não o conhecia...não conhecia nada da Bruna Lombardi...

    Um beijo saudoso!

    Sonia Regina.

    ResponderExcluir
  3. Um dos maiores milagres de Deus é permitir que pessoas simples e comuns possam transmitir coisas incomuns, fortes e ricas de sabedoria.

    (autor desconhecido).

    Fim de semana de muita luz e bençãos pra vc.

    beijooo.

    ResponderExcluir

Olá amigos,
Sua visita e comentários me deixam imensamente feliz!!!
Obrigada!!!!


MusicPlaylistView Profile
Create a playlist at MixPod.com