Não pense que escrevo aqui o meu mais íntimo segredo, pois há segredos que eu não conto nem a mim mesma. E não é só o último segredo que revelo: há muitos segredinhos primários que eu deixo que se mantenham em enigma... (Clarice Lispector)

"São pelos pequenos momentos ...Que a gente quase morre ...Que intensamente vive ...Que longamente espera..."

segunda-feira, 29 de setembro de 2008


De repente entendemos que tudo
o que precisamos está aqui, bem
ao nosso lado.
Obrigado, Jr, por me encontrar
e me reencontrar, por me fazer
sua e me mostrar que a felicidade
está aqui bem ao alcance das nossas
mãos. Te amo muuuuuuuuuuuito!!!

terça-feira, 23 de setembro de 2008

Há dias que parece que tudo na sua vida vai dar errado,
não conseguimos realizar aquilo que planejamos,
e simplesmente nos frustramos.
Tudo o que eu queria hoje era estar com você,
falar com você, te tocar e te amar,
como sonhamos e planejamos...
Mas aí aparece a realidade nua e crua e frustra
os nossos sonhos.
Mas o dia vai chegar, mas cedo ou mais tarde
nos encontraremos e então nos amaremos
como se fosse a última vez
e seremos eu e você novamente,
sem pensar em nada, só na emoção
de viver este grande momento!!!!!

segunda-feira, 22 de setembro de 2008


Eu sou simplesmente fascinada por Fernando Pessoa,
Seus textos e poemas são tão profundos e conseguem
descrever os meus sentimentos com tanta clareza, que
me pergunto se não foram escritos só pra mim...rsrs.

Encerrando ciclos descreve exatamente o que sinto agora.

Sempre é preciso saber quando uma etapa chega ao final...
Se insistirmos em permanecer nela mais do que o tempo necessário,
perdemos a alegria e o sentido das outras etapas que precisamos viver.

Encerrando ciclos, fechando portas, terminando capítulos.
Não importa o nome que damos,
o que importa é deixar no passado os momentos da vida que já se acabaram.

Foi despedida do trabalho? Terminou uma relação? Deixou a casa dos pais?
Partiu para viver em outro país?
A amizade tão longamente cultivada desapareceu sem explicações?

Você pode passar muito tempo se perguntando por que isso aconteceu....
Pode dizer para si mesmo que não dará mais um passo
enquanto não entender as razões que levaram certas coisas,
que eram tão importantes e sólidas em sua vida,
serem subitamente transformadas em pó.
Mas
tal atitude será um desgaste imenso para todos:
seus pais, seus amigos, seus filhos, seus irmãos,
todos estarão encerrando capítulos, virando a folha,
seguindo adiante, e todos sofrerão ao ver que você está parado.

Ninguém pode estar ao mesmo tempo no presente e no passado,
nem mesmo quando tentamos entender as coisas que acontecem conosco.

O que passou não voltará: não podemos ser eternamente meninos,
adolescentes tardios, filhos que se sentem culpados ou rancorosos com os pais,
amantes que revivem noite e dia uma ligação com quem já foi embora
e não tem a menor intenção de voltar.

As coisas passam, e o melhor que fazemos é deixar que
elas realmente possam ir embora...

Por isso é tão importante (por mais doloroso que seja!)
destruir recordações, mudar de casa,
dar muitas coisas para orfanatos, vender ou doar os livros que tem.

Tudo neste mundo visível é uma manifestação do mundo invisível,
do que está acontecendo em nosso coração...
e o desfazer-se de certas lembranças significa também
abrir espaço para que outras tomem o seu lugar.

Deixar ir embora. Soltar. Desprender-se.
Ninguém está jogando nesta vida com cartas marcadas,
portanto às vezes ganhamos, e às vezes perdemos.

Não espere que devolvam algo,
não espere que reconheçam seu esforço,
que descubram seu gênio,
que entendam seu amor.
Pare de ligar sua televisão emocional e assistir sempre ao mesmo programa,
que mostra como você sofreu com determinada perda:
isso o estará apenas envenenando, e nada mais.

Não há nada mais perigoso que rompimentos amorosos
que não são aceitos, promessas de emprego que não têm
data marcada para começar, decisões que sempre são adiadas
em nome do "momento ideal".

Antes de começar um capítulo novo,
é preciso terminar o antigo: diga a si mesmo que o que passou, jamais voltará!

Lembre-se de que houve uma época em que podia viver sem aquilo,
sem aquela pessoa - nada é insubstituível, um hábito não é uma necessidade.

Pode parecer óbvio, pode mesmo ser difícil, mas é muito importante.

Encerrando ciclos.
Não por causa do orgulho, por incapacidade, ou por soberba,
mas porque simplesmente aquilo já não se encaixa mais na sua vida.

Feche a porta, mude o disco, limpe a casa, sacuda a poeira.
Deixe de ser quem era, e se transforme em quem é.
Torna-te uma pessoa melhor e assegura-te de que sabes
bem quem és tu próprio, antes de conheceres alguém
e de esperares que ele veja quem tu és..

E lembra-te:
Tudo o que chega, chega sempre por alguma razão

Fernando Pessoa

Felicidade...

Cada dia me convenço mais
que a felicidade está bem
ao alcance das minhas mãos
e que preciso de muito pouco
para ser feliz.
Uma das minhas maiores felicidades
é poder falar com você todos
os dias e ver que o verdadeiro
amor nunca morre, ele estará
sempre em nós.

domingo, 21 de setembro de 2008


Metade

Que a força do medo que tenho não me impeça de ver o que anseio.
Que a morte de tudo que acredito não me tape os ouvidos e a boca.
Porque metade de mim é o que eu grito,
mas a outra metade é silêncio.

Que a música que eu ouço ao longe seja linda,
ainda que triste.
Que o homem que eu amo seja sempre amado,
mesmo que distante.
Porque metade de mim é partida
e a outra metade é saudade.

Que as palavras que eu falo não sejam ouvidas como prece nem repetidas com fervor,
Apenas respeitadas como a única coisa que resta a alguém inundado de sentimento.
Porque metade de mim é o que eu ouço,
mas a outra metade é o que calo.

Que essa minha vontade de ir embora se transforme na calma e na paz que eu mereço.
Que essa tensão que me corroe por dentro seja um dia recompensada.
Porque metade de mim é o que eu penso e a outra metade é um vulcão.
Que o medo da solidão se afaste,
que o convívio comigo mesmo se torne ao menos suportável.

Que o espelho reflita em meu rosto o doce sorriso
que eu me lembro de ter dado na infância.
Porque metade de mim é a lembrança do que fui,
a outra metade eu não sei...

Que não seja preciso mais do que uma simples alegria para me fazer aquietar o espírito.
E que o teu silêncio me fale cada vez mais.
Porque metade de mim é abrigo,
mas a outra metade é cansaço.

Que a arte nos aponte uma resposta, mesmo que ela não saiba.
E que ninguém a tente complicar
porque é preciso simplicidade para fazê-la florescer.
Porque metade de mim é a platéia e a outra metade, a canção.

E que minha loucura seja perdoada.
Porque metade de mim é amor
e a outra metade... também.

Osvaldo Montenegro


Existem músicas que duram eternamente, e cada vez que a ouvimos, lembramos daquele momento que certamente será eterno em nossos corações e lembranças...


Ai Que Saudade D'ocêFábio Jr
Composição: Vital Farias

Não se admire se um dia

Um beija-flôr invadir

A porta da tua casa

Te der um beijo e partir...

Fui eu que mandei o beijo

Que é prá matar meu desejo

Faz tempo que não lhe vejo

Ah! que saudade d'ocê...

Ah! que saudade d'ocê...

Se um dia ocê se lembrar

Escreva uma carta prá mim

Bote logo no correio

Com frases dizendo assim...

Faz tempo que não lhe vejo

Quero matar meu desejo

Lhe mando um monte de beijo

Ah! que saudade sem fim...

Ah! que saudade sem fim...

E se quiser recordar

Aquele nosso namoro

Quando eu ía viajar

E ocê caía no choro...

Eu chorando pela estrada

Mas o que eu posso fazer

Trabalhar é minha sina

Eu gosto mesmo é d'ocês!...

Ah! que saudade sem fim...



Tanto

Pensar – me sem ti

É esvair – me em pranto ,

Que sem ti a vida perde o encanto .

Em tantos desejos ,

Em tantos anseios

Só peço para

Amar – me como te amo .

Que muito já chorei ,

Quantas lágrimas já derramei

E te perdoo sempre e tanto.

Quantas promessas já não soaram,

Quantos sonhos já não desmoronaram

Nesta vida de desencontros

Com tantos erros e tantos enganos .

Este amor que é tão forte

Que resiste , que não morre

Que persiste a tanto

Levarei ao longe , sendo onde for

A qualquer canto

Com qualquer tanto .

Alguém certa vez me disse que a felicidade está dentro de nós...

Eu nunca tinha entendido bem isso...

Mais hoje eu sei...

Basta apenas um olhar,

um toque,

um sorriso,

um gesto

e tudo pode mudar...

Deixe então que toda felicidade que está dentro de você

venha a tona e contagie todos que estão a sua volta...

Porque ser feliz faz muito bem e

é simplesmente muito bom!!!

Como é grande o meu amor por você!

Eu tenho tanto prá lhe falar

Mas com palavras não sei dizer

Como é grande o meu amor

Por você...

E não há nada prá comparar

Para poder lhe explicar

Como é grande o meu amor

Por você...
Nem mesmo o céu nem as estrelas

Nem mesmo o mar e o infinito

Não é maior que o meu amor
Nem mais bonito...

Me desespero a procurar

Alguma forma de lhe falar

Como é grande o meu amor

Por você...

Nunca se esqueça nem um segundo

Que eu tenho o amor maior do mundo

Como é grande o meu amor

Por você...

Mas como é grande o meu amor

Por você!...

Vivo sonhando


Sonhando mil horas sem fim

Tempo em que vou perguntando

Se gostas de mim


Tempo de falar em estrelas

Falar de um mar, de um céu assim

Falar do bem que se tem


Mas você não vem, não vem

Você não vindo, não vindo a vida tem fim

Gente que passa sorrindo zombando de mim

E eu a falar em estrelas, mar, amor, luar.


Pobre de mim... que só sei te amar


Composição: Tom Jobim

ჱﻶﻉ Coм o tємpo α gєntє αprєnđє

a sutil đifєrєnçα      

entrє sєgurαr uмα мão      

e αprisionαr uмα αlмα... ჱﻶﻉ   


ჱﻶﻉ Coм o tємpo, α gєntє αprєnđє.,

quє bєijos não são contrαtos   

e prєsєntєs não são proмєssαs... ჱﻶﻉ  


ჱﻶﻉCoм o tємpo α gєntє αprєnđє     

a plαntαr o próprio jαrđiм      

eм vєz đє єspєrαrpor αlguéм quє nos trαgα florєs... ჱﻶﻉ

"Há um tempo em que é preciso

abandonar as roupas usadas

que já tem a forma do nosso corpo

e esquecer os nossos caminhosque

nos levam sempre aos mesmos lugares.

É o tempo da travessia

e se não ousarmos fazê-la,

teremos ficado para sempre

à margem de nós mesmos."


♥ Fernando Pessoa ♥

"Há quem diga que todas as noites são de sonhos.

Más há também quem garanta que nem todas,

só as de verão.

No fundo, isso não tem importância.

O que interessa mesmo não é a noite em si,

são os sonhos.

Sonhos que o homem sonha sempre,

em todos os lugares,

em todas as épocas do ano,

dormindo ou acordado."


(William Shakespeare)

Ah!Se o mundo inteiro

Me pudesse ouvir

Tenho muito prá contar

Dizer que aprendi...

E na vida a gente

Tem que entender

Que um nasce prá sofrer

Enquanto o outro ri..

Mas quem sofre

Sempre tem que procurar

Pelo menos vir achar

Razão para viver...

Ver na vida algum motivo

Prá sonhar

Ter um sonho

todo azul

Azul da cor do mar...

Mas quem sofre

Sempre tem que procurar

Pelo menos vir achar

Razão para viver...

Ver na vida algum motivo

Prá sonhar

Ter um sonho todo azul

Azul da cor do mar...

E então, quisera me transformar em vento.

E, se assim fosse, chegaria agora como brisa...

Brisa fresca, e, tocaria leve na sua janela...

E, se você me escutar e me permitir entrar,

Em você vou me enroscar quase sem te tocar.

Vou roçar nos seus cabelos,

Soprar mansinho no seu ouvido,

Beijar sua face macia,

Te embalarei no meu carinho...

Mas, eu não sou o vento...

Agora, sou só pensamento...

E, estou pensando em você...

E, se abrir a sua janela agora,

Eu estou chegando aí...

nesse momento...

Em pensamento...

No vento!


texto: desconheço autoria

Hoje eu acordei......

com saudades de ti.

Por vários segundos,

enquanto o despertador me arrancava do sono – e dos sonhos –

mantive os olhos fechados na esperança de encontrar-te.

Estiquei o abraço, mas em vez do áspero quente do teu corpo,

senti apenas o macio gélido do travesseiro.

Abri os olhos e a tua figura desapareceu.

O que restou foi a amarga melancolia de saber-te longe.

De saber-te impossível.

Eu quis permanecer sonhando, tocar tua imagem etérea,

não deixar que ela se dissolvesse com o acordar.

Mas eu tenho obrigações, amor. Tu também.

O que me leva a pensar na seguinte questão:

tu pensas em mim quando acordas?

Senti ciúmes dos teus sonhos e sonos.

Quero-os para mim, sobre mim, por mim.

Ex-clu-si-va-men-te.

Promete?

Podes mentir, juro que não ligo.

Mas me convenças de que teu último pensamento do dia é sobre mim,

de que sou eu a razão pela qual tu acordas todas as manhãs.

De que dormes com a esperança de encontrar-me nas viagens noturnas,

como durmo esperando encontrar-te.

A cada noite de cada novo dia, eu te busco.

É pecado, doçura?

Se for, que o Deus me perdoe,

porque hoje eu acordei com saudades de ti.

Ontem também.

Sempre.

sábado, 20 de setembro de 2008


Engraçado...

Existem momentos que sinto como se eu fosse duas pessoas
em único corpo...
Momentos em que já não sei se o amor é mais forte,
ou se a paixão predomina...
Momentos nos quais amo e amo...
Momentos pelos quais morreria e mataria para tê-los
só mais uma vez...
Momentos que sou só amor,
e logo após só desilusão...
Momentos em que me permito sonhar,
imaginar, inventar e reinventar...
Momentos em que sou só razão...
e logo mais a pura emoção,
Momentos em que é fácil me permitir, ousar
e outros em que só quero fugir...
E nesses momentos não sei quem sou,
se simplesmente Jacy ou se
Eternamente Jhacy...

Posso ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes,
mas não esqueço que a minha vida é a maior empresa do mundo.
E posso evitar que ela vá à falência.
Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver, apesar de todos os
desafios, incompreensões e períodos de crise.
Ser feliz é deixar se ser vítima dos problemas e se tornar um autor da própria história.
É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de econtrar um oásis
no recôndito da sua alma.
É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida.
Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos.
É saber falar de si mesmo. É ter coragem para ouvir um "não".
É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.
Pedras no caminho?
Guardo todas, um dia vou contruir um castelo...

FERNANDO PESSOA

Quando vi esta Mensagem a primeira vez, tive a impressão que conheço Sol e Lua, e você?

O Sol e a Lua

Quando o SOL e a LUA se encontraram pela primeira vez,
se apaixonaram perdidamente
e a partir daí começaram a viver um grande amor.
Acontece que o mundo ainda não existia
e no dia que Deus resolveu criá-lo,
deu-lhes então o toque final... o brilho !
Ficou decidido também que o SOL iluminaria o dia
e que a LUA iluminaria
a noite, sendo assim,
seriam obrigados a viverem separados.

Abateu-se sobre eles uma grande tristeza
quando tomaram conhecimento
de que nunca mais se encontrariam.

A LUA foi ficando cada vez mais amargurada,
mesmo com o brilho que Deus havia lhe dado,
ela foi se tornando solitária.

O SOL por sua vez havia ganhado
um título de nobreza "ASTRO REI",
mas isso também não o fez feliz.

Deus então chamou-os e explicou-lhes:
Vocês não devem ficar tristes,
ambos agora já possuem um brilho próprio.
Você LUA, iluminará as noites frias e quentes,
encantará os enamorados
e será diversas vezes motivo de poesias.
Quanto a você SOL, sustentará esse título
porque será o mais importante dos astros,
iluminará a terra durante o dia,
fornecerá calor para o ser humano
e a sua simples presença fará as pessoas mais felizes.
A LUA entristeceu-se muito com seu
terrível destino e chorou dias a fio...
já o SOL ao vê-la sofrer tanto,
decidiu que não poderia deixar-se
abater pois teria que dar-lhe forças e ajudá-la
a aceitar o que havia sido decidido por Deus.
No entanto sua preocupação era tão grande
que resolveu fazer um pedido a ELE:
Senhor, ajude a LUA por favor,
ela é mais frágil do que eu,
não suportará a solidão...
E Deus em sua imensa bondade criou então
as estrelas para fazerem companhia a ela.

A LUA sempre que está muito triste
recorre as estrelas que fazem de tudo
para consolá-la, mas quase sempre não conseguem.

Hoje eles vivem assim... separados,
o SOL finge que é feliz, a LUA não
consegue esconder que é triste.

O SOL ainda esquenta de paixão pela LUA
e ela ainda vive na escuridão da saudade.

Dizem que a ordem de Deus era que a LUA
deveria ser sempre cheia e luminosa,
mas ela não consegue isso....
porque ela é mulher, e uma mulher tem fases.
Quando feliz consegue ser cheia,
mas quando infeliz é
minguante e quando minguante nem sequer
é possível ver o seu brilho.

LUA e SOL seguem seu destino,
ele solitário mas forte,
ela acompanhada das estrelas, mas fraca.
Humanos tentam a todo instante conquistá-la,
como se isso fosse possível.
Vez por outra alguns deles vão até ela
e voltam sempre sozinhos, nenhum deles
jamais conseguiu trazê-la até a terra,
nenhum deles realmente conseguiu conquistá-la,
por mais que achem que sim.
Acontece que Deus decidiu que
nenhum amor nesse mundo seria de todo
impossível, nem mesmo o da LUA e o do SOL...
e foi aí então que ele criou o eclipse.
Hoje SOL e LUA vivem da espera desse instante,
desses raros momentos que lhes foram concedidos
e que custam tanto a acontecer.
Quando você olhar para o céu a partir de agora
e ver que o SOL encobriu a LUA
é porque ele deitou-se sobre ela e começaram a se amar
e é ao ato desse amor que se deu o nome de eclipse.
Importante lembrar que o brilho
do êxtase deles é tão grande que
aconselha-se não olhar para o céu nesse momento,
seus olhos podem cegar de ver tanto amor.

Bem, mas na terra também existe sol e lua...
e portanto existe eclipse....

Essa é a parte da História que nós conhecemos!

MusicPlaylistView Profile
Create a playlist at MixPod.com