Não pense que escrevo aqui o meu mais íntimo segredo, pois há segredos que eu não conto nem a mim mesma. E não é só o último segredo que revelo: há muitos segredinhos primários que eu deixo que se mantenham em enigma... (Clarice Lispector)

"São pelos pequenos momentos ...Que a gente quase morre ...Que intensamente vive ...Que longamente espera..."

quarta-feira, 18 de março de 2009

Obsessão


Por que, de manhã, assim que acordo,
é de você que eu me recordo?
Por que, olhando o dia que amanheceu,
fico só lembrando como tudo aconteceu?

Por que, no som do telefone tocando,
quero que seja você me chamando?
Por que, toda música que fico ouvindo,
é você que acabo sentindo?

Por que, na campainha insistente,
desejo que seja você, de presente?
Por que, ao sair na rua,
procuro nos rostos, sempre a fisionomia sua?

Por que, no carro que de repente buzina,
fico achando que é você na esquina?
Por que, vendo um filme, um beijo na TV,
desejo ansiosamente que seja com você?

Por que, na tarde que cai, com o sol no horizonte,
ajo como se fosse o desfecho dourado,
de mais um dia feliz como o de ontem?

Por que, será que eu sinto de montão,
essa gostosa obsessão?
Será que tudo isso é porque
eu amo demais você?!

Silvia Munhoz

2 comentários:

Olá amigos,
Sua visita e comentários me deixam imensamente feliz!!!
Obrigada!!!!


MusicPlaylistView Profile
Create a playlist at MixPod.com