Não pense que escrevo aqui o meu mais íntimo segredo, pois há segredos que eu não conto nem a mim mesma. E não é só o último segredo que revelo: há muitos segredinhos primários que eu deixo que se mantenham em enigma... (Clarice Lispector)

"São pelos pequenos momentos ...Que a gente quase morre ...Que intensamente vive ...Que longamente espera..."

terça-feira, 13 de outubro de 2009

PARABÉNS PRA VOCÊ


O tempo passa? Não passa


O tempo passa? Não passa no abismo do coração.

Lá dentro, perdura a graça do amor, florindo em canção.

O tempo nos aproxima cada vez mais,

nos reduza um só verso e uma rima de mãos e olhos, na luz.

Não há tempo consumido nem tempo a economizar.

O tempo é todo vestido de amor e tempo de amar

O meu tempo e o teu, amada, transcendem qualquer medida.

Além do amor, não há nada, amar é o sumo da vida.

São mitos de calendário tanto o ontem como o agora,

e o teu aniversário é um nascer toda hora.

E nosso amor, que brotou do tempo,

não tem idade pois só quem ama escutou o apelo da eternidade.

Carlos Drummond de Andrade

3 comentários:

  1. O POETA tem razão viver é nascer todos os dias então todo dia é dia de aniversário.

    Muito lindo!

    Um beijo e parabéns!

    Sonia Regina.

    ResponderExcluir
  2. Obrigada, Sônia pelo carinho de sempre!!!

    ResponderExcluir
  3. Olá, Jhacy!

    Como sempre escolhe lindos poemas para reflectirmos e sobretudo para os interiorizar!

    O tempo é sempre o "tempo" de vivermos!

    Beijinho e B.F.S.

    Renato

    ResponderExcluir

Olá amigos,
Sua visita e comentários me deixam imensamente feliz!!!
Obrigada!!!!


MusicPlaylistView Profile
Create a playlist at MixPod.com