Não pense que escrevo aqui o meu mais íntimo segredo, pois há segredos que eu não conto nem a mim mesma. E não é só o último segredo que revelo: há muitos segredinhos primários que eu deixo que se mantenham em enigma... (Clarice Lispector)

"São pelos pequenos momentos ...Que a gente quase morre ...Que intensamente vive ...Que longamente espera..."

quinta-feira, 20 de novembro de 2008


Eu queria ser lua
Astro pendurado no céu
Refletindo uma luz
Que não é sua
Mas assim mesmo encanta

Eu queria ser lua
Brilhar à noite
Despertar desejo
Suportar açoite
De sentimento que ensejo

Eu queria ser senhora da lua
Enfeitiçar o poeta
Ser a poesia concreta
Do artista do amor

Ser senhora da lua
Com a esperança de ser tua
Numa noite de prata
Com festejos de luz

Senhora da lua
Senhora do amor
Que habita em mim

Denise Severgnini

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá amigos,
Sua visita e comentários me deixam imensamente feliz!!!
Obrigada!!!!


MusicPlaylistView Profile
Create a playlist at MixPod.com