Não pense que escrevo aqui o meu mais íntimo segredo, pois há segredos que eu não conto nem a mim mesma. E não é só o último segredo que revelo: há muitos segredinhos primários que eu deixo que se mantenham em enigma... (Clarice Lispector)

"São pelos pequenos momentos ...Que a gente quase morre ...Que intensamente vive ...Que longamente espera..."

sexta-feira, 28 de novembro de 2008

Tudo o que eu amo...


Amo o capim molhado que a noite serenou.
Amo o mistério das matas com os matizes do verde
que Deus lhe ofertou.
Amo a chuva que despenca para banhar a natureza,
retirar as impurezas que a poluição deixou.
Amo as estrelas e a lua. Amo os ruídos da noite
e o silêncio das madrugadas. Amo o mundo, amo a vida
porque viver é sonhar. Amo tudo que da vida recebi.
Amo até mesmo a saudade, que traz de volta à memória
um tempo que já vivi...

Encontrei esse poema no blog "Pedaços de Mim", achei lindo.

2 comentários:

  1. Muito linda sua família, parabéns..

    Que a música que eu ouço ao longe seja linda,ainda que triste. Que o homem que eu amo seja sempre amado,mesmo que distante. Porque metade de mim é partida e a outra metade é saudade. E que minha loucura seja perdoada. Porque metade de mim é amor e a outra metade... também.

    Tem uma postagem no meu Blog, com este poema de Oswaldo Montenegro...eu acho lindo

    bjs

    ResponderExcluir
  2. Jhacy:

    Que linda foto!!!
    Que lindo poema!!!
    Amei...

    bjs

    ResponderExcluir

Olá amigos,
Sua visita e comentários me deixam imensamente feliz!!!
Obrigada!!!!


MusicPlaylistView Profile
Create a playlist at MixPod.com